Páginas

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Eu cambaleio

Eu desejo a tua companhia durante cada dilacerante segundo que o ponteiro marca. Minha cabeça dói inteirinha porque pede que eu esteja entrelaçada em ti. Meu corpo inteiro sente falta do teu abraço.
Eu tenho vontade de chorar todos os dias, e, eventualmente, as lágrimas correm involuntárias. Não deveria ser assim. Está claro que é exagero e que eu me envolvo no nosso relacionamento mais do que deveria. Essas aflições me detonam; me prejudicam. Eu cambaleio. Sei que devo me policiar a buscar o equilíbrio, a me afastar da situação para enxergar com maior clareza, mas o lado de mim que quer estar ao teu lado me atinge causando maior impacto, e os danos originários desse processo são tamanhos.
Minha cabeça dói.
Eu só desejo que tu me ames e que me desejes tanto assim. E a angústia por não saber se o fazes me devora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário